O Caso Fretx: startup no setor do transporte

A Fretx é uma startup criada em 2020 e que tem como objetivo criar oportunidades de negócio no setor do transporte em Portugal.

Como surgiu a Fretx?

A Fretx foi criada em 2020, durante a pandemia, e surgiu da dificuldade sentida pelos seus fundadores em encontrar um serviço de transporte/mudanças profissional disponível e a um preço justo no mercado. O Thiago Dieb e o Bruno Barroso, são a cara do projeto e os responsáveis por idealizar e concretizar a Fretx.

A necessidade estava identificada, o know-how técnico existia, tanto o Thiago como o Bruno trabalham na área da tecnologia há mais de 10 anos, foi só uma questão de aproveitarem a sua veia empreendedora e criar um conceito rentável para a marca e para o negócio, e encontrar os parceiros certos.

O que distingue a Fretx?

Com pouco mais de 1 ano de existência, a Fretx já tem mais de 800 transportadores registados na plataforma e já foram enviadas mais de 4.000 propostas.
A Fretx é a única plataforma a atuar em Portugal 100% dedicada a este segmento, e a criar um elo de ligação entre o transportador e o cliente.

Temos como objetivo unir o cliente que precisa de um serviço de transporte de mercadorias com o profissional que pode responder a esse cliente. O processo para utilizar a plataforma é simples, o cliente identifica a sua necessidade na plataforma, e em seguida, os transportadores registados na Fretx enviam as propostas diretamente ao cliente. Assim, recebendo várias propostas, o cliente pode escolher o transportador mais adequado e que atende às suas necessidades.
É a primeira plataforma de prestação de serviços a usar a tecnologia de chatbot para facilitar a experiência do cliente, desde o momento do pedido de cotação aos transportadores, até à contratualização do serviço.

Os planos para o futuro são incorporar o machine learning e a inteligencia artificial na plataforma, para facilitar a escolha entre clientes e transportadores.
Por ser uma startup de tecnologia e os seus fundadores serem profissionais experientes do ramo, estão sempre a testar e a utilizar o que há de novo no mercado. A plataforma foi construída com base em PHP e JavaScript. A usar desde NodeJS a WordPress, sistema de deploy automatizado, hospedagem em nuvem, etc.

Qual a parceria que gostariam de destacar?

Sem dúvida a Transportes Gonniki! Temos tido resultados incriveis e até o próprio proprietário nos deixou o seu testemunho, dizendo que, desde que aderiram à Fretx, e que estão registados na nossa plataforma, o trabalho e a solicitação de orçamentos aumentou e a faturação também.

Bruno, sendo sócio fundador da Fretx, na tua opinião qual é o futuro da start-up?

Em apenas 12 meses de lançamento e operação, a plataforma já atende os 18 distritos de Portugal Continental, e pretendemos expandir as operações para as regiões autónomas e países vizinhos, com o intuito de facilitar os transportes e levar uma experiência única a todos.
Neste momento estamos a atender transportes de pequeno e médio porte, com o foco principal em mudanças residenciais, comerciais e/ou transportes menores. No futuro estamos a prever atender serviços expresso, transportes de grandes cargas e melhorar a experiência em transportes internacionais. Também continuaremos a construir uma plataforma única e 100% focada no cliente, com benefícios e recursos exclusivos para os transportadores parceiros. O nosso serviço de atendimento e suporte ao utilizador é totalmente humanizado, mesmo sendo uma empresa de tecnologia, e isto permite-nos perceber de perto quais as reais dificuldades dos clientes e como podemos agregar ainda mais valor na vida das pessoas.

Foram estes e outros motivos que nos permitiram integrar o Grupo Integer. Com o apoio do grupo, sentimo-nos ainda mais fortes para avançar e impactar ainda mais as pessoas.

Qual o papel da Integer neste projeto?

A união da Integer com a Fretx teve início em 2021, o objetivo da Fretx é a expansão para todo o território português, inovar e criar oportunidades de negócio no setor dos transportes de mercadoria/mudanças em Portugal, gerar emprego e consequentemente ter lucro. Para isso acontecer, teríamos que assegurar a contratação de novos talentos, por exemplo na área de gestão, comunicação, marketing e tecnologia. Com toda a certeza, esta parceria será uma mais valia para ambas as partes!

Jorge Augusto Dieb
Head of Branding

Últimos Artigos

De backpaker para a Integer
De backpaker para a Integer

Depois de ter finalizado a faculdade o momento que eu mais ansiava aconteceu: a minha integração no mercado de...

Integer Evolve – O novo Programa Integer
Integer Evolve – O novo Programa Integer

O Integer Evolve é o novo Programa de Embaixadores da Integer Consulting, que tem como principal objetivo estar mais...

A entrevista: Ser Programador
A entrevista: Ser Programador

O Allan Collier é programador Java desde 2014, faz parte da equipa Integer desde 2018 e atualmente trabalha como...

Utilizamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Os cookies ajudam-nos a perceber a forma como o nosso website é utilizado. Ao continuar, estás a aceitar a nossa Política de Cookies. Ao continuar, estás a aceitar a nossa Política de Privacidade.